quinta-feira, 18 de janeiro de 2018

MONTALVÃO (Nisa): Inauguração do Centro de Marcha e Corrida


HUMOR EM TEMPO DE CÓLERA

A limpeza
Cartoon de Henrique Monteiro in http://henricartoon.blogs.sapo.pt

Ponte de Sor acolhe Campeonato do Alentejo de Corta-Mato

Numa organização conjunta do Clube de Atletismo Trail Runners da Ponta e da Associação de Atletismo do Distrito de Portalegre, com o apoio do município de ponte de Sor irá realizar-se dia 03 de Fevereiro o Campeonato do Alentejo de Corta-Mato.
A prova que irá eleger o campeão de todo o Alentejo na disciplina de corta-mato irá disputar-se, inserida no III Corta-Mato do Sor, cuja organização é responsabilidade do clube local e irá disputar-se pelas 15 horas na localidade de Arneiro – Ponte de Sor, com o apoio do município.
A inscrição na prova é gratuita para os filiados das Associações distritais de Évora e Beja, sendo que para os filiados em outras associações regionais a inscrição tem o valor de 2 euros e para os atletas não filiados tem o valor de 3 euros.
As inscrições são efetuadas em formulário destinado a esse efeito, disponível em www.aadp.pt, até ao dia 01 de Fevereiro pelas 14 horas.
O secretariada do prova irá realizar-se na sede do Grupo Desportivo do Arneiro e irá estar em funcionamento das 14 as 15 horas.
Relativamente a prémios do corta-Mato do Sor, prova aberta a participação de todos os interessados, irá para além de medalhas aos três primeiros atletas de cada escalão em competição e de troféus às equipas classificadas nos primeiros cinco lugares, vão ser entregues prémios monetários aos cinco primeiros atletas dos escalões de juniores, séniores e veteranos distribuídos da seguinte forma: 120 euros ao primeiro classificado, 90 euros ao segundo classificado, 60 euros ao terceiro, 50 euros ao quarto classificado e 30 euros ao quinto.
O campeonato do Alentejo irá ser disputado entre os atletas filiados nas três associações distritais do Alentejo, em competição no evento.
A competição que por ser campeonato do Alentejo e de acordo com o regulamento do circuito AADP de corridas irá pontuar de forma bonificada todos os presentes na classificação individual, bem como as equipas na respetiva classificação coletiva.
Estão certamente reunidas condições para que seja uma prova memorável e que se faça como já vem sendo habito a festa do atletismo.
Não faltes, faz já a tua inscrição.

Câmara de Évora visitou Agrupamento de Escolas Gabriel Pereira

O Presidente da Câmara Municipal de Évora, Carlos Pinto de Sá, e a Vereadora da Educação, Sara Fernandes, foram hoje (11 de Janeiro) conhecer as necessidades que mais preocupam o Agrupamento de Escolas Gabriel Pereira, com cerca de 2500 alunos, tendo visitado quatro dos estabelecimentos onde a autarquia tem responsabilidades: Escola Básica André de Resende, Jardim de Infância de Santo António, EB1 Heróis do Ultramar e EB1 do Rossio de S. Brás.
Além dos técnicos camarários, a acompanhar a comitiva, estiveram também os Coordenadores de cada estabelecimento escolar (Glória Cordeiro, Isabel Monginho, Rita Curvo e Rosalinda Rocha), o Director e o Vice-diretor do Agrupamento, respectivamente Fernando Martins e Joaquim Simões e também a Presidente da União de Freguesias do Bacêlo e Sra. da Saúde, Gertrudes Pastor, e a responsável pelo acompanhamento das escolas neste órgão, Margarida Rita. Em cada local, os Coordenadores foram explicando os pontos fortes e fracos dos estabelecimentos e definNo final desta visita de trabalho, o Presidente do Município, Carlos Pinto de Sá, constatou que neste Agrupamento existem problemas comuns ao Agrupamento de Escolas Manuel Ferreira Patrício visitado na passada semana, nomeadamente falta de assistentes operacionais e necessidade de melhoria das instalações escolares. No Jardim de Infância de Santo António, a comitiva constatou já as melhorias recentemente concretizadas, que incluíram obras de requalificação, nomeadamente de ampliação, pinturas, substituição de coberturas e arranjo do espaço exterior.
“Nesta visita confirmámos mais uma vez a necessidade do pessoal não docente ser contratado de forma permanente, até porque há aqui acompanhamento dos miúdos portadores de deficiência, os quais têm de ter uma atenção especial e adequada a cada caso”, indicou o Presidente Carlos Pinto de Sá. Outras preocupações, são relativas às instalações das escolas, de melhoria de espaços exteriores e alguns interiores.
 “Temos aqui um conjunto de questões “fortes”, algumas que não são da responsabilidade do Município, como é o caso do pessoal, que decorrem de políticas nacionais e onde vai haver necessidade de o Governo garantir os financiamentos necessários para a contratação, a tempo permanente e não precário, de pessoas que fazem falta”,  concluiu o autarca, sublinhando que “faltam 42 assistentes operacionais em Évora e que neste Agrupamento isso foi particularmente patente”.
O Diretor do Agrupamento, Fernando Martins, também confirmou a falta de pessoal, explicando que todos os anos têm sido difíceis, mas “este ano talvez tenha sido o pior em que tivemos mesmo algumas das escolas para não abrir. Abrimo-las mais para não suscitar qualquer ilação política, mas foi um grande risco por exemplo na André de Resende e algumas escolas do 1º ciclo por que a falta de pessoal não docente chega a atingir os 25% em relação ao total de funcionários que temos que é de cerca de 100”
definindo os trabalhos mais prioritários que são necessários realizar.
CME

ALCÁCER DO SAL: Tecnologia LED instalada em vários locais do concelho

A pedido da Câmara Municipal de Alcácer do Sal, a EDP procedeu à substituição de 334 luminárias de mercúrio e vapor de sódio por luminárias de tecnologia LED. O novo sistema foi implementado em vários locais do concelho, tais como no Batão, Vale de Guizo, Torre, em várias ruas do Torrão e no Bairro da Quintinha, como as fotos ilustram. Com esta medida diminuem os custos com a iluminação pública uma vez que a tecnologia LED é ambientalmente mais sustentável.

MARVÃO: Comemorações da Restauração do Concelho

No dia 24 de janeiro celebra-se o 120º aniversário da Restauração do Concelho de Marvão e o Município promove, a partir das 18h30, na Cidade Romana de Ammaia, um apontamento cultural, para assinalar a efeméride. Depois de uma breve resenha histórica sobre a Restauração do Concelho, a cargo de Joaquim Carvalho, pode assistir-se a um concerto com António Eustáquio (Guitolão) e Carlos Barretto (Contrabaixo).
Já no sábado, dia 27, às 16h00, vai ser apresentado, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, o eBook “Os Caminhos d’O Conspirador”, baseado no conto “O Conspirador”, de Branquinho da Fonseca. Uma obra editada pelo Município de Marvão, com a coordenação de Maria Mota Almeida e Luís Branquinho da Fonseca.
A 24 de janeiro de 1898, Marvão recuperou a sua independência administrativa e política. Aqui fica uma pequena resenha histórica sobre a Restauração do nosso Concelho:
“A revolução liberal de 1820 trouxe consigo alterações profundas ao nível da organização administrativa do território. Desde esse período e até aos nossos dias subsiste a divisão territorial: Os distritos que se desdobram em concelhos e estes em freguesias. No entanto, ao longo de todo o séc. XIX e principalmente no interior do país, sentia-se a falta de pessoal habilitado para o exercício dos cargos políticos, bem como carência de recursos para responder às necessidades das populações”.
“Para os municípios de 3ª ordem (como Marvão) era muito complicado captar recursos financeiros necessários à administração corrente e, pelo alto índice de analfabetismo da população, era também muito difícil recrutar indivíduos aptos para participarem nas vereações”.
“Foi então, sem grande surpresa, que a 26 de setembro de 1895 foram suprimidos diversos concelhos por todo o País, no âmbito de uma reorganização política e administrativa do território português. Neste contexto, o concelho de Marvão ficou anexado ao de Castelo de Vide. Com esta reforma pretendia-se a racionalização dos recursos financeiros e humanos. No entanto, com esta alteração, foram extintos municípios com raízes seculares. Marvão era um destes casos”.
“Na documentação da altura, não consta que a população de Marvão se tenha revoltado com a situação, até porque os tempos eram de constante mudança”.

“Em fevereiro de 1897 o governo caiu, enfraquecido pela ação da oposição e pela sua própria inoperância. Em 13 de janeiro de 1898, depois de novas eleições para o governo e várias reclamações um pouco por todo o País, o concelho de Marvão foi reintegrado e, portanto, desanexado do concelho vizinho”.

ALTER DO CHÃO: Gala da Tauromaquia no Cine Teatro


Uma vez mais, vai o Clube Taurino do Agrupamento de Escolas de Alter do Chão, único no País em escola pública e da responsabilidade do Prof. Marco Gome, realizar a Gala da Tauromaquia no próximo dia 26 de janeiro pelas 21.15h em Alter do Chão.
A Gala da Tauromaquia à semelhança dos anos anteriores, é realizada com os meninos/membros do Clube Taurino que proporcionam um espetáculo aos Homenageados e a todos os que assistem, e do qual se anexa cartaz.
Agradecemos a sua divulgação.
O responsável pelo Clube Taurino
Marco António Gomes

PORTALEGRE: Luísa Sobral actua no CAEP no dia 3 Fevereiro

3 FEV. SÁB. 21.30H - Luísa Sobral - Pop | GA | 12.5€ | M/4 anos
 “Luísa” é o quarto álbum de originais de Luísa Sobral, editado em 2016 e agora apresentado ao vivo. Neste disco estreitam-se a cumplicidade e os laços afectivos com quem ouve, em novas canções e letras tocantes, que a colocam num novo patamar de maturidade criativa: ainda mais segura, exigente, autêntica e espontânea.

Após ter vivido por 4 anos nos EUA, Luísa Sobral estreou-se em 2011 com a edição de “The Cherry on My Cake”, um álbum bem recebido pelo público e pela crítica, mas foram sobretudo os espetáculos e as participações televisivas especiais, como a que assegurou no programa de Jools Holland, na BBC, que impulsionaram o seu percurso dentro e além-fronteiras. Em 2017, Luísa Sobral volta a percorrer o país, agora com novas canções. Em palco, está em casa, e tem a amabilidade generosa de nos convidar a visitá-la e de nos fazer sentir em casa.

segunda-feira, 15 de janeiro de 2018

AVIS: Grupo de Cantares “Terras de Santa Maria” celebra o 4.º Aniversário

O Grupo de Cantares “Terras de Santa Maria” de Ervedal assinala, no próximo dia 20 de janeiro, a passagem do seu 4.º Aniversário.
A celebração, levada a efeito pela Junta de Freguesia de Ervedal e pelo Grupo de Cantares “Terras de Santa Maria” com o apoio do Município de Avis, vai ter lugar no Salão da Junta de Freguesia de Ervedal, pelas 15h00, com a realização de uma Tarde Cultural preenchida com os cantares do Grupo aniversariante e com as danças do Rancho Folclórico de Avis, muita animação e momentos de partilha e convívio.

Venha festejar connosco!

NISA: Inscrições para a XIX Rota do Contrabando abrem no dia 17